Rúben Dias no grande teste do super goleador Haaland

Os quartos-de-final abrem com o duelo entre o Manchester City, que só sofreu um golo, e o Borussia Dortmund, onde mora um norueguês que tem mais golos que jogos

Erling Haaland é, aos 20 anos, o avançado de que todos falam na Europa do futebol. E esta noite (20.00 horas, Eleven Sport) vai ter o seu grande teste frente na Liga dos Campeões, afinal o norueguês é a principal arma do ataque do Borussia Dortmund frente ao Manchester City, equipa que detém a melhor defesa da competição, com apenas um golo sofrido em oito jogos.

O Estádio Ethiad, em Manchester, será palco de um duelo muito aguardado. Afinal, de um lado estará o português Rúben Dias, considerado pelo próprio Guardiola como o patrão da defesa dos citizens, e do outro estará Haaland que é o melhor marcador da Liga dos Campeões, com 10 golos, tendo até ao momento marcado em todos os jogos em que participou. Aliás, o norueguês é o único jogador da história da Liga dos Campeões que contabiliza mais golos marcados (20) do que partidas realizadas (14). E a questão que se coloca é saber se o norueguês conseguirá fazer algo que apenas o portista Luis Díaz conseguiu esta época: bater o guarda-redes Ederson Moraes.

Guardiola tem feito questão de elogiar Rúben Dias na forma como conseguiu estabilizar a sua defesa. "É um jogador que lidera a linha defensiva e os outros. Toma boas decisões, mas ajuda os outros a tomá-las também", disse recentemente o treinador espanhol sobre o internacional português que nos 39 jogos ao serviço do City, contribuiu para que a sua equipa não sofresse golos em 24 partidas.

Man. City... sem dinheiro

Na conferência de imprensa de antevisão a esta partida, uma das questões que esteve em cima da mesa foi a possibilidade de Pep Guardiola estar tentado a contratar Haaland para render o histórico Sergio Agüero, que vai deixar o clube no final desta época. Trata-se, afinal, de uma impossibilidade para o treinador do Manchester City. "É um avançado excecional, até um cego vê isso, mas pelo preço que pedem, nós não vamos comprar nenhum avançado. É impossível, não podemos pagar isso. Todos os clubes estão em dificuldades financeiras e nós não fugimos à regra", disse. É que em causa estará qualquer coisa como 180 milhões de euros que, de acordo com a imprensa inglesa, terá sido aquilo que o Dortmund pediu após uma sondagem dos citizens.

Guardiola, que persegue o sonho de conquistar a primeira Liga dos Campeões da história do ManchesterCity, já veio dizer que tem "um enorme respeito" pelo Borussia Dortmund, que atravessa grandes dificuldades na Bundesliga, onde ocupa o quinto lugar a sete pontos dos lugares de apuramento para a Champions do próximo ano.

Os alemães, treinados por Edin Terzic, apostam por isso tudo nesta competição para salvar uma época dececionante, mas para esta primeira mão não podem contar com uma das suas estrelas, o extremo inglês Jadon Sancho, jogador de 21 anos que em 2017 foi contratado pelo Dortmund ao Manchester City por... 7,8 milhões de euros. Em contrapartida, os alemães devem poder contar com o português Raphaël Guerreiro, que assim se reencontra com a armada portuguesa formada por Rúben Dias, João Cancelo e Bernardo Silva.

Diogo Jota no clássico

No outro jogo que abre os quartos-de-final da Liga dos Campeões, defrontam-se dois dos últimos três campeões europeus. O Real Madrid recebe o Liverpool, que conta com um Diogo Jota em grande momento de forma, afinal, vem de um clássico com o Arsenal, onde bisou. Isto para não falar dos jogos da seleção, onde fez três golos em duas partidas.

Neste clássico do futebol europeu, há até ao momento três vitórias para cada lado, sendo que cada uma das equipas venceu uma final.

carlos.nogueira@dn.pt

Mais Notícias

Outras Notícias GMG