Rúben Amorim sobre João Mário no Benfica: "Foi para o sítio certo"

O treinador do Sporting garante que o médio do Benfica não teria em Alvalade o estatuto e a influência que tem na equipa da Luz.

Rúben Amorim, treinador do Sporting, garantiu esta sexta-feira que o médio João Mário, que no início da época trocou os leões pelo rival Benfica "não teria o estatuto nem influência" na sua equipa que encontrou na Luz e foi mesmo mais longe dizendo que o internacional português, que se tem destacado no clube da Luz, "foi para o sítio certo".

"Não tenho visto o rival. Tenho visto Matheus Nunes que está na seleção nacional e é um grande ativo do Sporting, que teve um crescimento enorme. O João Mário não teria aqui o estatuto nem influência que tem no Benfica. E ele sabia isso. Já falámos sobre isso. Estou muito contente com os meus jogadores e não trocaria nenhum médio por outro. Cada um está bem onde está e foi para o sítio certo. E assim ficamos todos contentes", disse o treinador do Sporting na conferência de imprensa de antevisão ao jogo deste sábado (20.30 horas) em Arouca, a contar para a 8.ª jornada da I Liga.

O treinador dos campeões nacional foi ainda questionado sobre as razões de o Sporting estar a marcar poucos golos, lembrando que é ele que tem de "ajudar os jogadores" a encontrar esse caminho. "Tivemos várias oportunidades onde os jogadores têm de decidir ou ter um dia melhor. Lembro-me de várias frente ao guarda-redes e não marcamos. As estatísticas mostram que rematamos à baliza, chegamos à área, mas temos de meter mais gente. Às vezes depende da inspiração. , mas o importante é não sofrer, pois geralmente fazemos sempre um golo", sublinhou, garantindo que a ausência de Pedro Gonçalves "não explica tudo".

"Temos jogadores de muita qualidade, mas temos de melhorar, ter outra capacidade à frente da baliza. Se estivéssemos como no ano passado, em que tínhamos duas oportunidades e marcávamos dois golos.... Agora criamos muito e temos de marcar mais. Já somos a melhor defesa, como no ano passado. Defendemos bem, mesmo sendo uma equipa ofensiva", acrescentou.

Quanto ao facto de o avançado Paulinho não estar a marcar muitos golos, Rúben Amorim garantiu que o jogador tem feito o que lhe é pedido. "O Paulinho melhorou muito a equipa, sem prejuízo de ele ter de melhorar na capacidade de concretização. Ele faz o que lhe peço, só não faz o que lhe daria mais valor juntos dos adeptos e imprensa, que são golos", disse.

No jogo com o Arouca, Amorim diz que o Sporting vai enfrentar "uma equipa bem preparada". "Olhamos para as estatísticas, vimos como jogou com o FC Porto, com o Benfica, com o Vitória de Guimarães, transmiti tudo aos jogadores e estamos preparados. Temos de entrar fortes, evitando as transições, para empurrar o Arouca", concluiu.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG