"Ronaldo na MLS? Não será para amanhã"

Gary Stevenson, presidente da Liga americana, prefere apostar na formação e nas infraestruturas

Gary Stevenson, presidente da MLS, revelou esta quarta-feira que não está nos planos a liga profissional norte-americana contratar grandes jogadores como Cristiano Ronaldo, pois a prioridade é "consolidar um campeonato a longo prazo".

"Contratar Cristiano Ronaldo? Não sou responsável pelas transferências, mas o nosso objetivo é ter sempre jogadores desse nível, mas não será para amanhã", frisou Stevenson, acrescentando que o plano de desenvolvimento da MLS passa por "desenvolver a formação de jovens futebolistas com a criação de academias", bem com o a "construção de infraestruturas de treino".

Mais Notícias

Outras Notícias GMG