Também há "chapões" olímpicos no Rio 2016. A nota? Zero

Saltadora russa caiu de costas na piscina depois de uma saída atrapalhada da prancha

A russa Nadezhda Bazhina tentava na sexta-feira o apuramento para as finais dos saltos para água da prancha de três metros, mas acabou por ser protagonista de mais um momento insólito nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Bazhina passou por aquele que será, provavelmente, o maior pesadelo de qualquer atleta: falhar redondamente e perante o mundo inteiro.

Devido a uma saída atrapalhada para o mergulho, a saltadora, ainda durante as rondas preliminares, não conseguiu ganhar altura suficiente e acabou a cair na água de costas. Um verdadeiro "chapão" que a impediu de se qualificar e lhe garantiu a pior classificação possível no salto: os juízes não se compadeceram e deram-lhe nota zero.

A medalha ficou para a canadiana Jennifer Abel, tendo as chinesas He Zi e Shi Tingmao ganho, respetivamente, a medalha de prata e de bronze.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG