Telma ganha prata, Joana Ramos o bronze

A judoca Telma Monteiro perdeu, este sábado, em 18 segundos na final do Grande Prémio de Rijeka, naquela que foi a segunda derrota da sua carreira frente à alemã Miryam Roper (quarta do "ranking" mundial de -57 kg).

Telma, que surge na sétima posição da hierarquia mundial e tinha vencido três combates antes de chegar à final, foi surpreendida nos instantes iniciais com um estrangulamento que deu o "ippon" e consequente vitória a Roper.

Em quatro combates anteriores entre as duas judocas, a portuguesa perdeu os dois últimos: nos Mundiais de Paris em 2011 e este sabado, dia em que teve que se contentar com a medalha de prata.

Este ano, Telma Monteiro tem tido uma época mais irregular e com menos resultados do que aqueles a que tem habituado o judo português, mas ainda assim com uma medalha de ouro no Open Europeu de Sófia e dois bronzes, nos Europeus de Budapeste, em abril, e no Masters de Tyumen, em maio.

No último mês, a grande deceção da judoca do Benfica foi a eliminação no primeiro combate dos Mundiais do Rio de Janeiro.

Também, este sábado, em Rijeka esteve em ação Joana Ramos (-52 kg), que conquistou a medalha de bronze depois de realizar três combates.

Numa categoria que apenas teve oito judocas em prova, Joana Ramos venceu a alemã Romy Tarangul, perdeu no segundo com a Ilse Heylen, e venceu no combate para um dos bronzes a húngara Barbara Maros por "ippon".

Mais Notícias

Outras Notícias GMG