Gasol e companhia tiveram chegada atribulada

A chegada da seleção espanhola de basquetebol a Londres foi muito conturbada com o jogador dos Lakers e San Emeterio a serem barrados na alfândega do Aeroporto de Heathrow.

Toda a situação ficou a dever-se a algumas letras trocadas entre o requerimento de entrada no Reino Unido e o passaporte dos atletas e só foi resolvida com os dois basquetebolistas a poderem aceder ao país na qualidade de meros turistas, ou seja, sem o estatuto de participantes acreditados para os Jogos Olímpicos.

Contudo, os imprevistos de Pau Gasol, porta-estandarte da delegação espanhola, e da restante comitiva não se ficaram por aí. A principal referência do basquetebol do país vizinho, que alinha nos LA Lakers, da NBA, revelou que existiram problemas com as bagagens e que estes o fizeram perder os sapatos que se destinavam à cerimónia de abertura que tem lugar esta noite em Londres.

Em conferência de imprensa, o jogador de 32 anos revelou, ainda assim, todo o seu "entusiasmo" pela participação olímpica, apesar de reconhecer o desgaste extra causado pelo "incidente no aeroporto" e "pelas distâncias que há entre os vários locais" na capital inglesa.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG