Ali Carter trava batalha contra o cancro

O inglês, de 33 anos, vice-campeão mundial por duas vezes, sofre após ter sido submetido a uma intervenção cirúrgica para lhe ser removido um cancro nos testículos.

Ali Carter, finalista vencido no Campeonato Mundial de Snooker em duas ocasiões, ambas contra Ronnie O'Sullivan (2008 e 2012), luta contra um cancro nos testículos, tendo sido objeto de uma intervenção cirúrgica, iniciando agora os tratamentos de quimioterapia.

Carter, em declarações proferidas após a cirurgia, desejou "regressar depressa" à competição. Barry Hearn, patrão da World Snooker, destacou que "Ali é um lutador e mostrou isso na sua batalha contra a doença de Crohn", problema de que o inglês padece e contra o qual luta há anos, acrescentando que espera "um rápido regresso e contará com apoio a 100 por cento".

O mundo do snooker recorda Paul Hunter, que a 9 de outubro de 2006 faleceu após ter sido diagnosticado um cancro nos intestinos um ano e meio antes. Desde então, vários jogadores, dirigentes, patrocinadores e outras entidades ligadas ao desporto têm suportado fundações que apoiam vítimas de doenças oncológicas, entre as quais a fundação criada como homenagem a Paul Hunter.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG