O elogio: "Enquanto aqui estiver, o Bernardo Silva não vai a lado nenhum"

Treinador do Manchester City voltou a mostrar-se muito satisfeito com as exibições do futebolista português, que reforçou este ano a equipa inglesa.

Se havia dúvidas de que Bernardo Silva se tornou indispensável para Pep Guardiola, o treinador do Manchester City dissipou-as. "Enquanto eu aqui estiver, ele não vai a lado nenhum. Fica aqui comigo", afirmou o técnico, na conferência de imprensa que serviu para antever o jogo desta segunda-feira com o Wigan (19:55, Sport TV3), para os oitavos-de-final da Taça de Inglaterra.

O médio português, que chegou esta temporada ao Manchester City (vindo do Mónaco, da liga francesa), rapidamente se fixou entre as primeiras opções de Guardiola: participou em 39 dos 41 jogos dos citizens esta época (19 deles como titular). No entanto, o treinador espanhol elogia também a importância de Bernardo Silva para o "espírito de equipa", mesmo quando não entra no onze. "Nunca o vi triste, nem por um dia. Está sempre bem disposto e ninguém imagina a importância disso. Mesmo quando não joga muito, ninguém imagina quão importante é para o balneário: ele é o tipo de jogador que está sempre bem humorado", apontou.

Assim, Guardiola prefere encerrar qualquer debate na imprensa inglesa sobre se o jogador, de 23 anos, está a justificar os 50 milhões de euros que o Manchester City pagou por ele ao Mónaco. "[Bernardo Silva] é jovem e estamos muito satisfeitos com ele. Vai ficar muito tempo", disse ainda o técnico.

O Wigan-Manchester City desta segunda-feira é a única partida que falta disputar dos oitavos-de-final da Taça de Inglaterra. Leicester, Chelsea, Southampton, Brighton e Manchester United já estão apurados para os quartos. Os empates nos duelos Sheffield Wednesday-Swansea (0-0) e Rochdale-Tottenham (2-2) levarão um segundo jogo, de desempate, em casa dos primodivisionários.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG