"Não ganhámos mas foi como uma grande vitória"

Nuno Manta Santos, treinador do Feirense, "sempre" acreditou que a equipa iria manter-se na I Liga

"Recolhi ao balneário no final do jogo porque tinha falado com a minha mulher e a minha filha e avisei-as de que, independentemente do que acontecesse no final do jogo, era para elas que telefonaria e foi o que fiz.

Não ganhámos, mas foi como uma grande vitória. Foi mais difícil do que no ano passado porque o contexto não foi o melhor para o Feirense no último mês. Acreditei que era possível, os jogadores acreditaram e a SAD também. Conseguimos fazer história e estar no lugar onde devemos estar.

Quero deixar uma palavra de apreço e conforto às equipas que desceram porque é um momento difícil para dirigentes, adeptos e jogadores.

Não foi um jogo fácil, foi de sofrimento, luta e crença, em que jogámos muitas vezes com o coração. Parabéns aos adeptos. Estamos aqui para o ano. Tive sempre isto em mente, que foi conseguido com muito trabalho diário".

Mais Notícias

Outras Notícias GMG