Exclusivo Mats Wilander: "Djokovic é o melhor tenista de todos os tempos"

O antigo tenista sueco, vencedor do US Open de 1988, acredita que Djokovic tem tudo para vencer o torneio nova-iorquino que começa amanhã. Se o conseguir, o sérvio torna-se no jogador com mais vitórias no Grand Slam (21) e pela primeira vez ganha quatro majors numa só época.

Ganhou sete torneios do Grand Slam. O que representa para si o US Open?

Foi o torneio em que me tornei número um do ranking mundial quando o ganhei [em 1988]. E morava ali perto, ao virar da esquina. Acima de tudo, o US Open é um torneio de que, com o passar dos anos, aprendemos a gostar porque quando um jovem lá chega quer é explorar a cidade de Nova Iorque e sentir a emoção de Flushing Meadows, mas o ambiente não permite exibir o melhor ténis, porque acontecem muitas coisas: muito barulho, aviões no céu, o trânsito. Leva tempo até os jogadores aprenderem a forma de gostar de Nova Iorque e só quando o conseguem podem focar-se no ténis, conseguem então divertir-se e jogar perante fãs loucos, especialmente à noite.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG