Leão de azar, dragão de sorte e águia a desconfiar

Sporting tem missão difícil com Real Madrid e Dortmund. Nápoles no caminho do Benfica. FC Porto tem tudo para se apurar

Saiu a fava ao Sporting no sorteio da fase de grupos da Liga dos Campeões que ontem se realizou no Mónaco. A equipa de Jorge Jesus ficou no grupo F, onde terá de medir forças com o Real Madrid, Borussia Dortmund e Legia Varsóvia.

Os merengues, campeões da Europa em título, são o primeiro adversário dos leões, que visitam o Bernabéu a 14 de setembro. Será o reencontro de Cristiano Ronaldo com o clube onde se formou - o jogo em Alvalade é a 22 de novembro. "Vai ser um jogo especial, frente a uma equipa especial. Queria calhar com o Sporting porque eles têm uma boa equipa e um bom treinador. Vai ser outro bonito momento na minha vida. Jogar com o Sporting novamente é um privilégio para mim", referiu CR7, ontem coroado o melhor jogador da Europa pela UEFA.

As estrelas do Real Madrid são por demais conhecidas, desde Kroos, Modric, Benzema, Bale ou James Rodríguez, até aos portugueses Pepe e Fábio Coentrão. Este será ainda um confronto que vai despertar muito interesse na Costa Rica, pois Bryan Ruiz e Joel Campbell vão reencontrar-se com o compatriota Kaylor Navas.

Bastante complicado serão ainda os duelos com o Borussia Dortmund, onde joga o português Raphaël Guerreiro. Será a primeira vez que as duas equipas se encontram nas provas europeias, sendo que os vice-campeões alemães têm uma equipa recheada de estrelas, onde se destacam Mario Götze, Schürrle e Aubameyang. Mais acessível será, à partida, o Legia Varsóvia, com quem o Sporting mediu forças em 2012, na Liga Europa, com uma vitória em casa por 1-0 e um empate 2-2 na Polónia.

Benfica visita dois "infernos"

Quanto ao Benfica há motivos para desconfiar do sorteio. É verdade que tendo em conta os outros grupos, o que ditaram as bolas acabou por ser bom, mas o Nápoles, sobretudo no Estádio San Paolo, é um adversário temível. Em 2008, para a Taça UEFA, os encarnados perderam em Itália por 3-2, mas em casa venceram por 2-0. Daquela equipa napolitana sobrevive Marek Hamsik, a grande estrela da equipa. Contudo, a equipa de Maurizio Sarri perdeu esta época o seu goleador Gonzalo Higuaín, que foi para a Juventus por 90 milhões de euros.

A visita ao Besiktas também será um inferno para a equipa de Rui Vitória, isto tendo em conta o ambiente. Os turcos serão, no entanto, o primeiro adversário do Benfica, a 13 de setembro, que marca o regresso de Talisca à Luz, jogador que se encontra emprestado pelas águias. Os ex-portistas Quaresma e Aboubakar são outros jogadores conhecidos dos portugueses.

Finalmente o Dínamo Kiev, que se encontrou com o Benfica uma vez na Champions. Foi em 1991, com os ucranianos a vencerem em casa num jogo marcado pela lesão grave de Rui Águas, tendo na Luz os encarnados goleado por 4-0. A equipa de Rebrov tem internacionais ucranianos, alguns brasileiros e o português Antunes.

Dragão superfavorito

O FC Porto não podia ter tido melhor sorteio. É certo que terá pela frente o campeão inglês, o Leicester de Ranieri, uma equipa inexperiente na alta roda europeia, apesar de em campo ter jogadores de grande nível como Kasper Schmeichel, Ryad Mahrez e Jamie Vardy.

O Club Brugge, campeão da Bélgica, é orientado por Michel Preud"homme, mas apresenta uma equipa sem grandes nomes. A única vez que defrontaram esta equipa foi em 1972, com uma vitória 3-0 nas Antas e uma derrota 3-2 em Brugge, a contar para a Taça UEFA.

Finalmente, o FC Copenhaga, outro estreante em duelos com os portistas e que conseguiram o apuramento no play-off diante dos cipriotas do APOEL Nicósia. Com estes adversários, o apuramento para os oitavos-de-final é obrigatório para o FC Porto.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG