Sp. Covilhã e Olhanense empatam 3-3

O Sporting da Covilhã e o Olhanense empataram esta quarta-feira 3-3, na quarta jornada da II Liga de futebol, num encontro emotivo até ao apito final.

Um golo de Tatui levou o Covilhã em vantagem para o intervalo, mas, no segundo tempo, a emoção foi muita, tendo Semedo igualado para os visitantes, Traquina voltou a pôr os da casa em superioridade, Aguilar e Regula deram a volta ao marcador e Erivelto repôs a igualdade.

Os serranos entraram a jogar em grande velocidade e logo aos dois minutos, de livre, Tatui inaugurou o marcador com um remate em zona frontal, colocado.

Pouco depois do golo, os "leões da serra", de regresso ao antigo estádio, refrearam o ímpeto inicial, enquanto o Olhanense ia contendo no meio-campo as ofensivas do Covilhã, formação mais atrevida.

Ao minuto 21, Bilel rematou cruzado, a rasar o poste. Na resposta, Aguilar isolou-se e, já com a oposição de Edgar, tentou fazer o "chapéu" a Taborda, mas a bola saiu por cima. Ainda antes do descanso, Traquina, em velocidade, atirou à figura.

No reatamento, os algarvios surgiram com maior dinâmica e empataram num lance em que a defesa serrana ficou a ver Semedo rematar.

Na outra área, Kizito fez a bola passar junto ao poste e, ao minuto 62, o Covilhã voltou a ficar na frente do marcador, quando Traquina entrou pela esquerda e rematou forte à entrada da área.

Aguilar voltou a igualar, aos 71 minutos, perante uma defesa permissiva e, volvidos três minutos, o Olhanense deu a volta ao marcador, por intermédio de Regula, a aproveitar um erro defensivo dos "leões da serra".

Pela primeira vez em desvantagem, os serranos continuaram a procurar o golo e conseguiram empatar ao minuto 82. Erivelto entrou para marcar o livre e, na primeira vez que tocou na bola, bateu de forma irrepreensível Tiago Maia.

O jogo foi disputado até ao último minuto, com ambas as equipas a tentar chegar à vitória, sem sucesso.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG