Couceiro diz que Estoril "não pode sofrer golos como sofre"

José Couceiro espera inverter os maus resultados do Estoril e vencer o Penafiel para afastar-se da zona de despromoção da I Liga de futebol.

O treinador de futebol do Estoril Praia, José Couceiro, reconheceu esta sexta-feira que a equipa atravessa um momento de instabilidade de resultados e frisou que é necessário mudar o rumo, sem que a desistência seja solução.

Em antevisão do encontro da nona jornada da I Liga, no terreno do Penafiel, o técnico identificou as principais lacunas e traçou o rumo dos "canarinhos" a curto prazo.

"Uma equipa como a nossa não pode sofrer golos como sofre. Não é novidade. Há um conjunto de motivos que estão identificados. Estamos numa situação que não queríamos. É delicada. Por isso, só há dois caminhos: enfrentar as coisas de frente e saber o que corrigir ou o caminho da desistência e esse não passa por aqui. Compete-nos criar as condições para melhorar o nosso desempenho", realçou.

Em vésperas de defrontar os comandados de Rui Quinta, José Couceiro disse que "não há insubstituíveis" e que "a equipa tem de estar acima de todos".

"É importante conseguir um bom resultado. A equipa tem tido altos e baixos, ainda não há um rendimento homogéneo. Sabendo muitas das razões desta inconstância, cabe-nos inverter este tipo de prestações", disse.

O Estoril Praia, 16.º classificado da I Liga, com seis pontos, e o Penafiel, 17.º, com quatro, defrontam-se a partir das 16h00 de sábado, no Estádio 25 de Abril, em jogo que será arbitrado por Duarte Gomes, de Lisboa.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG