Paul Gascoigne acusado de três delitos

O ex-futebolista inglês Paul Gascoigne foi formalmente acusado de três delitos, dois por agressão e um outro por embriaguez, anunciou este domingo a polícia britânica.

Foi anunciado este domingo pela polícia britânica, que o ex-futebolista inglês Paul Gascoigne foi formalmente acusado de três delitos, dois por agressão e outro por embriaguez, durante um incidente ocorrido numa estação de comboio no dia 4 de julho.

O incidente protagonizado pelo ex-jogador de 46 anos, ocorreu na estação ferroviária da localidade de Stevenage, no condado de Hertfordshire, no sudeste de Londres, segundo um porta-voz da Brigada de Trânsito britânica.

Gascoigne, que iniciou um tratamento de desintoxicação de álcool já este ano, vai permanecer em liberdade condicional até ser presente ao tribunal de Stevenageno no próximo dia 5 de agosto.

De acordo com os órgãos de comunicação social britânico, "Gazza" envolveu-se numa rixa com um agente de segurança da estação de comboio e, quando a sua mulher tentou acalmar os ânimos, foi também agredida.

Paul Gascoigne, que admitiu abertamente os seus problemas de alcoolismo e passou já temporadas em clínicas de reabilitação, é um "frequentador" habitual dos tabloides britânicos por protagonizar muitas vezes situações semelhantes.

O ex-jogador, que integrou o plantel de equipas da primeira divisão inglesa como o Tottenham, o Middlesbrough e o Everton, os italianos da Lázio e os escoceses do Glasgow Rangers, além de ter vestido a camisola da seleção inglesa em 57 partidas, é recordado como um dos mais talentosos futebolistas inglês da sua geração.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG