Mourinho torce pela Inglaterra, menos contra Portugal

Mourinho disponibilizou-se para ajudar o futebol e a seleção inglesa a crescer, mas não pretende que cresçam ao ponto de poderem vencer Portugal, desejando que Inglaterra perca sempre contra a seleção nacional.

O treinador português José Mourinho está disponível para se reunir com Greg Dyke, presidente da federação inglesa de futebol, para ajudar o futebol e a seleção inglesas a crescer. Porém, o técnico do Chelsea não quer que se desenvolvam ao ponto de conseguir vencer a seleção portuguesa.

"Claro que me preocupo com a seleção inglesa. Quero que os meus jogadores sejam convocados, que deem tudo pela seleção. Nunca diria a um jogador com uma lesão ligeira para não ir à seleção. Quero ajudar a academia do Chelsea e dar o meu pequeno contributo para melhorar os jogadores ingleses", justificou José Mourinho, em declarações à imprensa inglesa.

O treinador do Chelsea disponibilizou-se para ajudar, mas garante: "O único jogo que espero que Inglaterra perca é com Portugal. Quero que vençam todos os outros jogos."

O special one falou também na sobrevalorização dos jogadores ingleses e no valor que atingem no mercado, dando exemplos de Portugal e Espanha, onde o preço dos futebolista é mais racionalizado.

"A posição que tem no mercado é como se tivesse 50 internacionalizações quando na verdade não tem nenhuma. O preço dos jogadores ingleses é muito, muito complicado. Se formos a um clube português em dificuldades, compramos barato. Se formos a Espanha, onde temos alguns dos clubes mais ricos do Mundo e outros em dificuldades, também é possível conseguir jogador a um preço razoável", comentou.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG