Mourinho explica saída de Lukaku: "Queria ser titular"

Treinador português garantiu ainda que o espanhol Fernando Torres não será o estrangeiro a sacrificar para cumprir os limites legais: "Torres fica. Precisamos de três avançados"

José Mourinho explicou que a transferência do avançado belga romelu Lukaku para o Everton, por 35,4 milhões de euros, ficou a dever-se às garantias de titularidade pretendidas pelo jogador. "[Lukaku] não estava motivado para lutar pelo posto. Num clube como o Chelsea é muito difícil prometer um lugar no onze", referiu o português.

O técnico tem que descartar um dos 18 jogadores estrangeiros com mais de 21 anos que tem no plantel, para cumprir o limite imposto pela Premier League, mas nega que o estrangeiro a descartar vá ser o espanhol Fernando Torres, o nome mais apontado pela imprensa.

"Precisamos dos três avançados que temos: Drogba, Diego Costa e Torres", justificou Mourinho, satisfeito pelas contratações feitas este verão. "Tenho a equipa que quero e o clube também foi fantástico na forma como trabalho para ter Diego Costa, Filipe Luis e Fabregas", apontou.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG