Lille vence em casa do Toulouse e pressiona Mónaco

Mesmo reduzido a nove unidades, o Lille conseguiu bater o Toulouse, por 2-1, e pressiona o AS Mónaco na luta pelo segundo lugar.

O Lille venceu neste sábado em casa do Toulouse, por 2-1, e encurtou provisoriamente para três pontos a diferença que o separa do Mónaco, segundo classificado da Liga francesa de futebol, liderada de forma destacada pelo Paris Saint-Germain.

Nolan Roux (1-0), aos 26 minutos, e Kalou (2-0), aos 42, na conversão de uma grande penalidade, foram os autores dos golos do Lille, que terminou o jogo reduzido a nove por expulsão dos laterais Béria e Souaré, aos 68 e 69 minutos, respetivamente.

O Toulouse, que à 32.ª jornada segue presentemente "entalado" no oitavo lugar da Liga gaulesa entre o Reims (7.º) e o Bordéus (9.º), todos com 44 pontos, reduziu já no período de descontos por Aurien, aos 90+3 minutos.

O Bordéus esteve a vencer o Rennes, que teve o português Nélson Oliveira no banco, até aos 61 minutos, por 2-0, com golos de Guillaume Hoarau, aos 37, e do uruguaio Diego Rolan, aos 61, mas permitiu o empate em apenas quatro minutos.

Abdoulaye Doucouré, aos 64 minutos, e Romain Alessandrini, aos 68, foram os marcadores dos golos do Rennes, que segue no 12.º lugar da tabela classificativa, com os mesmos 38 pontos do Montpellier (11.º), que venceu em casa do Guingamp.

Na luta pela fuga aos lugares de despromoção, o Sochaux (19.º) empatou a 2-2 em casa do Bastia (10.º), depois de ter estado a vencer por 2-0, com golos de Jordan Ayew e Sebastiem Conchia, no final da primeira parte.

O Bastia empatou com golos do belga Gianni Brune (1-2), aos 53 minutos, e Djibril Cissé (2-2), aos 68 minutos, apenas nove após ter entrado a substituir Harek.

Loriente e Evian, respetivamente 13.º e 16.º classificados, empataram a 1-1, com golos de Jeremie Aliadière (1-0), aos 05 minutos, e Daniel Wass (1-1), aos 70.

O Paris Saint-Germain consolidou a condição de líder destacado da Liga francesa de futebol com uma vitória frente ao Reims, por 3-0, em jogo marcado por dois autogolos do argelino Assa Mandi.

Sem Zlatan Ibrahimovic, devido a lesão, o goleador improvável do PSG acabou por ser Assa Mandi, com dois desvios infelizes para o fundo da sua baliza, aos 48 e 89 minutos, já depois de o Uruguai Edinson Cavani ter marcado aos 43.

O PSG soma agora 79 pontos no comando da Liga francesa, com mais 16 do que o Mónaco, segundo classificado, que domingo recebe o Nantes (15.º).

A 32.ª jornada conclui-se domingo com os encontros Saint Etienne-Nice, Valenciennes-Lyon e Mónaco-Nantes.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG