FIFA diz que candidatura Ibérica tem "baixo risco" de falhar

Um relatório da FIFA coloca as candidaturas da Inglaterra e de Portugal-Espanha como as que apresentam menor risco de falharem a organização do Mundial de Futebol.

Segundo o The Telegraph, a avaliação técnica da FIFA classifica as candidaturas de Portugal-Espanha e Inglaterra ao Mundial de Futebol de 2018 e 2022 como sendo de "baixo risco", o que quer dizer que o organismo considera estas candidaturas como as que apresentam o menor risco de falharem a organização de um mundial, colocando-as assim à frente dos outros candidatos.

As candidaturas aos mundiais de futebol de 2018 e 2022 foram divididas em 17 categorias de onde resultou uma avaliação das mesmas após análise detalhada efectuada pela FIFA.

No documento, que segundo o The Telegraph tem circulado nos gabinetes dos membros do comité executivo da FIFA e que não deverá ser publicado na íntegra, as candidaturas da Inglaterra e de Portugal-Espanha são consideradas como as que apresentam mais categorias analisadas como sendo de "baixo risco" e as que apresentam menos categorias consideradas de "médio risco".

Assim, as duas candidaturas colocam-se numa posição privilegiada para poderem vir a ser organizadoras dos próximos mundiais de futebol, ultrapassando a concorrência de outros candidatos como a Rússia, a Holanda ou a Bélgica, que apresentaram uma avaliação de "risco médio", o que as deixa mais longe de poderem vir a ser as escolhidas.

A decisão final da FIFA será anunciada no dia 2 de Dezembro, na Suiça.

Inglaterra poderá vir a ser a escolhida

A decisão final da FIFA em relação ao próximo país organizador do Mundial de Futebol poderá ser favorável à Inglaterra uma vez que, segundo a agência Reuters, estão a ser questionadas as hipóteses de candidaturas conjuntas, como as de Portugal-Espanha e Bélgica-Holanda.

Grandes distâncias entre os estádios apresentados pelas candidaturas, que representem complicadas operações de logística ou a falta de um projecto de rede de transportes eficaz que não prejudique a dinâmica do torneio , são pontos que estão a ser tomados em consideração pela FIFA.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG