"É preciso coragem para não lhe dar a Bola de Ouro"

O treinador do Real Madrid considerou, esta quinta-feira, em entrevista à Real Madrid TV, que "será preciso muita coragem" para não dar a Bola de Ouro a Cristiano Ronaldo.

"Eu adoro vê-lo jogar [a Cristiano Ronaldo]. Atualmente é realmente incrível. Está a jogar de uma forma extraordinária. Será preciso muita coragem para não lhe entregar a Bola de Ouro. Espero que ganhe, porque ele merece", disse Ancelloti.

Cristiano Ronaldo marcou quatro golos durante o "play-off" de apuramento para o Mundial de 2014 no Brasil, tendo marcado um golo na Luz (Portugal derrotou a Suécia por 1-0) e logrou conseguir um "hat-trick" na segunda mão, no jogo em Estocolmo (Portugal venceu por 3-2).

Depois do encontro, Cristiano Ronaldo tem tido uma enorme manifestação de apoio por parte de vários jogadores e treinadores por todo o mundo, que afirmam que este merece receber a segunda Bola de Ouro (a primeira foi ganha em 2008), vindo agora o próprio treinador de Ronaldo juntar-se ao lote de "adeptos".

O treinador do Real Madrid também se pronunciou sobre a possibilidade do Real Madrid vencer a tão ambicionada 10.ª Liga dos Campeões: "Estou convencido de que vamos jogar um bom futebol e que vamos ser uma equipa muito competitiva. A Liga dos Campeões não é uma obsessão nossa, mas sim uma grande motivação."

"Ganhar a Liga dos Campeões não será fácil. Não é um problema de qualidade, às vezes é um problema de sorte. É preciso estar na hora certa em boa condição física", frisou o treinador italiano.

Ancelotti aproveitou para deixar os parabéns às seleções francesa, croata e portuguesa, nas quais jogam futebolistas do Real Madrid, pela qualificação para o Campeonato do Mundo.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG