Diego Costa só durou nove minutos na final da Luz

Recurso a polémico tratamento de lesão muscular com placenta de égua afinal não resultou e o avançado, apesar de titular, teve de ser substituído

O avançado hispano-brasileiro do Atlético Madrid Diego Costa foi substituído aos nove minutos da final da Liga dos Campeões de futebol, por Adrián Lopez, depois de ter estado em dúvida para o embate de Lisboa.

O ponta de lança Diego Costa ainda chegou a tocar na bola durante o tempo que esteve no terreno de jogo do Estádio da Luz, mas aparentando sempre algumas limitações físicas, depois de ter voltado aos treinos do Atlético na quinta-feira.

Na última semana, o brasileiro naturalizado espanhol, que irá disputar a fase final do Mundial ao serviço da Espanha, foi submetido a um tratamento complementar da responsabilidade da médica sérvia Marijana Kovaceciv à lesão muscular que sofreu na parte posterior da coxa direita.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG