Diego Costa: "Scolari nunca me telefonou"

O avançado Diego Costa negou na sexta-feira que o selecionador brasileiro, Luiz Felipe Scolari, lhe tivesse telefonado, ao contrário do que fez o espanhol Vicente del Bosque, que o convocou para o Mundial 2014 de futebol.

"O Scolari nunca me telefonou. O único selecionador com quem falei foi com o Del Bosque, que se preocupou comigo, me convidou para uma refeição e me fez saber que contava comigo", afirmou o hispano-brasileiro do Atlético Madrid, em declarações ao canal televisivo GloboEsporte.

O avançado, que passou por Penafiel e Sporting de Braga, contrariou as declarações de Scolari e assegurou que após renunciar à seleção brasileira e a decisão de jogar pela Espanha o deixou "muito feliz", salientando ter sido "recebido como um irmão".

"Sou brasileiro e isso não vai mudar, mas quero ganhar o Mundial pela Espanha. Se for impossível, o meu segundo desejo é que ganhe o Brasil. Fisicamente estou bem, com vontade de ganhar", explicou Diego Costa, atestando a sua recuperação, depois de problemas físicos que obrigaram à sua substituição prematura na final da Liga dos Campeões.

A campeã do Mundo em título, Espanha, que vai defrontar no Grupo B a Holanda, Austrália e Chile, cumpre hoje o último particular antes do Mundial 2014.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG