Di Maria dá vitória ao Real Madrid de Mourinho

Golo do argentino ex-Benfica, a nove minutos do fim, valeu triunfo merengue em Auxerre.

Um golo tardio do ex-benfiquista Di Maria ofereceu ao Real Madrid a vitória por 1-0 em Auxerre, num arranque de segunda ronda da Liga dos Campeões de futebol que prometeu surpresas, mas não as proporcionou.
O médio internacional argentino "saltou" do banco de suplentes aos 74 minutos, para o lugar de Diarra, e marcou aos 81 o tento do sofrido triunfo da equipa treinada pelo português José Mourinho, que se isolou no comando do grupo G.
Os internacionais portugueses Pepe, que quase marcou na própria baliza, e Cristiano Ronaldo foram totalistas na equipa espanhola, que beneficiou do empate 1-1 cedido pelo AC Milão na Holanda, frente ao Ajax.
A equipa italiana esteve em desvantagem, em consequência do golo marcado por El Hamdaoui, aos 23 minutos, mas o reforço Ibrahimovic minimizou os danos, aos 37.
O Basileia também assustou o Bayern de Munique, ao inaugurar o marcador aos 18 minutos, por intermédio de Frei, mas a equipa alemã, finalista vencida da prova no ano passado, deu a volta ao resultado, com um "bis" de Schweinsteiger (56, de grande penalidade, e 89).
O Bayern destacou-se no comando do agrupamento E, graças também à derrota sofrida pelo Cluj - com os portugueses Nuno Claro, na baliza, e Cadú, no centro da defesa, como titulares -- no recinto da AS Roma, por 2-1.
O defesa Terry e o avançado Anelka materializaram a vitória (2-0) do Chelsea na recepção ao Marselha, mantendo os ingleses no topo do grupo F, em igualdade com o Spartak de Moscovo, que bateu o Zilina por 3-0, com um "bis" de Ari e um golo do ex-portista Ibson.
No grupo H, do Sp. Braga, o Arsenal soma os mesmos seis pontos que o Shakhtar no topo, depois de vencer por 3-1 na casa do Partizan, graças aos remates certeiros de Arshavin (15), Chamakh (71) e Squillaci (82).

Mais Notícias

Outras Notícias GMG