Cruyff: "Com Neymar, pensaria na venda de Messi"

Antigo jogador e treinador holandês continua a não acreditar no êxito da coabitação entre as duas estrelas no Barcelona

Sempre contundente, muitas vezes polémico, Johan Cruyff não tem papas na língua. E volta a demonstrá-lo em relação à contratação de Neymar pelo Barcelona. O holandês, sempre uma figura de culto na Catalunha, continua cético sobre a ideia de juntar a estrela brasileira ao argentino Lionel Messi. E diz mesmo que, com a contratação de Neymar, "teria equacionado a venda de Messi".

A ideia tão "original" é capaz de deixar muita gente a questionar a veracidade da mesma, mas Cruyff justifica-a com as dificuldades de relacionamento e de gestão de interesses que a coabitação de duas super estrelas como Neymar e Messi costuma acarretar.

"Não se sabe o que vai acontecer, mas pode criar problemas no balneário. Vejamos as faltas: Neymar cobra-as muito bem, mas Messi também já o demonstrou no Barcelona. A partir de agora quem as vai marcar? Ou, por exemplo, Neymar e o Barça são patrocinados pela Nike, Messi é da Adidas... São situações que podem criar conflitos e eu sempre preferi evitar situações que pudessem gerar conflitos. Com a aquisição de Neymar teria equacionado a venda de Messi", explicou o ex-jogador e treinador do Barcelona, em entrevista ao jornal Marca.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG