Coração de Gascoigne parou por três vezes

Antigo futebolista inglês esteve perto da morte no ano passado. Ex-jogador confessa que tentou suicidar-se.

O coração de Paul Gascoigne parou três vezes quando estava na reabilitação, revelou o próprio numa entrevista ao canal de televisão Sky Sports. O ex-futebolista confessou, igualmente, que tentou suicidar-se.

Gascoigne afirmou que esteve mais próximo da morte do que as pessoas pensaram quando no ano passado surgiram rumores sobre o seu falecimento.

"O meu coração parou algumas vezes", concretizou, acrescentando que o seu pai, John, teve um colapso devido às preocupações com o estado de saúde do filho.

O antigo jogador do Newcastle e do Tottenham descreveu a sua tentativa de suicídio: "Tomas umas quantas pastilhas para dormir, um banho quente e bebes um pouco e depois cais."

Quando entrou na banheira, Gascoigne sentiu-se indisposto e só se recorda que despertou do sono "quando a polícia entrou em minha casa e seis agentes me retiraram do banho".

Antes de ter perdido a consciência, o ex-jogador telefonou à irmã para lhe comunicar que ia tomar banho e que essa informação foi um alerta do que poderia estar a acontecer-lhe.

Gascoigne admitiu que está a lutar contra o álcool e revelou que há quatro meses bebia 30 latas de cerveja por dia.

Desportivamente, Gascoigne considera que "ninguém será tão bom como eu fui".

Mais Notícias

Outras Notícias GMG