Final da Champions poderá ter 16 500 espetadores no Dragão

UEFA revelou que autoridades portugueses autorizaram a presença de mais quatro mil espetadores do que os que estavam inicialmente previstos

A UEFA tinha inicialmente anunciado que a final da Liga dos Campeões, marcada para este sábado no Estádio do Dragão, teria 12 500 adeptos nas bancadas. No entanto, o organismo que tutela o futebol europeu revelou esta quarta-feira que as autoridades portuguesas autorizaram a presença de 33% da capacidade do recinto, ou seja 16 500 espetadores.

Os bilhetes para o jogo entre Manchester City e Chelsea vão estar à venda a partir das 13.00 (hora de Lisboa) desta quarta-feira no site da UEFA.

Cada clube finalista terá direito a 6 mil bilhetes.

Quem for ao estádio terá de apresentar um teste negativo à covid-19. Ou um teste PCR datado de 26, 27, 28 ou 29 de maio, ou um teste rápido antigénio datado de 28 ou 29 de maio.

A final, inicialmente agendada para o Estádio Olímpico Atatürk, em Istambul, deixou de ser opção há pouco mais de duas semanas.

É a terceira vez, a segunda vez seguida, depois da final do ano passado no Estádio da Luz (ganha pelo Bayern Munique), que Portugal recebe o jogo mais importante da prova rainha da UEFA.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG