Félix da Costa vence no Mónaco com ultrapassagem na última volta

O piloto português é o campeão em título na Fórmula E.

António Félix da Costa (DS Techeetah) venceu este sábado a corrida no Mónaco do Mundial de Fórmula E, para carros elétricos, graças a uma ultrapassagem ao neozelandês Mitch Evans (Jaguar) na última volta.

O piloto português, campeão em título, deixou o holandês Robin Frijns (Virgin) em segundo lugar, a 2,848 segundos, com Evans a terminar em terceiro, a 2,872 de Félix da Costa.

Esta foi a primeira vitória da temporada para o piloto português, sexta na carreira nesta categoria.

Félix da Costa partiu da pole position, mas ao longo da corrida houve várias lutas pela liderança, com a gestão de energia nas baterias a ganhar especial relevo depois do que aconteceu na ronda anterior, em Valência, em que apenas nove pilotos tiveram energia para cortar a meta.

O português conseguiu a ultrapassagem que lhe valeu a vitória já na derradeira volta, depois do túnel, deixando Evans para trás. "Sabia que ia ser uma corrida dura, com a gestão de energia. A equipa informou-me bem e tivemos a tática adequada", disse o piloto de Cascais.

Quanto à ultrapassagem da vitória, Félix da Costa admitiu que foi "a ultrapassagem mais arriscada" da sua carreira, pois chegou a pensar "que não iria fazer a curva": "O Mitch [Evans] foi super-justo. Duro, mas leal", sublinhou o português.

Com estes resultados, Félix da Costa somou 28 pontos (25 pela vitória e três pela super pole), ascendendo ao quarto lugar do campeonato, com 52 pontos, a apenas 10 do novo líder, Robin Frijns.

A próxima prova do Campeonato do Mundo de Fórmula E disputa-se em Puebla, no México, em 19 de junho.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG