Federer arrasa Nadal, Djokovic volta a cair perante Kyrgios

Desde 2004 que o suíço não vencia o espanhol três vezes seguidas. Djokovic sucumbiu, novamente, diante do australiano Nick Kyrgios, que vai marcar presença na próxima edição do Estoril Open

O suíço Roger Federar bateu na madrugada desta quinta-feira o espanhol Rafael Nadal por esclarecedores 6-2 e 6-3, em encontro dos oitavos de final do torneio de ténis de Indian Wells, nos Estados Unidos.

Numa reedição da final do Open da Austrália, o helvético, de 35 anos, precisou de apenas 68 minutos para selar o terceiro sucesso consecutivo face ao espanhol, algo que não conseguia desde 2004.

Após 36 confrontos, o atual sexto jogador da hierarquia ainda continua, porém, a liderar claramente o frente a frente, com 23 vitórias, contra 13 do suíço, que nos quartos de final vai encontrar o australiano Nick Kyrgios, de 21 anos, que é presença garantida na próxima edição do Estoril Open.

Duas semanas depois de o ter batido em Acapulco, no México, Kyrgios, 16.º jogador mundial, voltou a superar o sérvio Novak Djokovic, segundo, em apenas dois sets, pelos parciais de 6-4 e 7-6 (7-3).

Djokovic, de 29 anos, seguia com 19 triunfos consecutivos em Indian Wells, onde conquistou o título em 2014, 2015 e 2016.

Nos outros embates dos oitavos, destaque para as dificuldades sentidas pelo suíço Stan Wawrinkra, terceiro jogador mundial, para superar o japonês Yoshihito Nishioka, por 3-6, 6-3 e 7-6 (7-4).

O nipónico Kei Nishikori, quarta cabeça de série, também garantiu um lugar nos quartos de final, tal como o uruguaio Pablo Cuevas, 27.º, ao superar, com alguma surpresa, o belga David Goffin, 11.º, pelos parciais de 6-3, 3-6 e 6-3.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG