Cova da Piedade não admitido na II Liga. Vilafranquense repescado

Formação do concelho de Almada não terá apresentado "o respetivo processo de candidatura respeitante aos critérios legais e financeiros até ao dia 17 de maio de 2021"

O Cova da Piedade falhou a inscrição na II Liga portuguesa, não sendo admitido no segundo escalão, informou esta segunda-feira a Liga de clubes, que convidou o Vilafranquense para ocupar a vaga.

Em comunicado, a Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) informa que foi decidido "não admitir a candidatura da sociedade desportiva Clube Desportivo da Cova da Piedade - Futebol SAD a participar nas competições profissionais da época 202l-22".

"Ao contrário de todas as demais sociedades (...) que, igualmente, se encontravam desportivamente habilitadas, [o Cova da Piedade] não apresentou o respetivo processo de candidatura respeitante aos critérios legais e financeiros até ao dia 17 de maio de 2021", lê-se.

A LPFP informa que o clube de Almada apenas apresentou os documentos necessários em 24 e 27 de maio, já após a data-limite.

"É manifesto, pois, que até ao dia 17 de maio se impunha, pelo menos, que fosse apresentada uma pretensão de participação no procedimento relativo ao cumprimento dos critérios legais e financeiros para participação nas competições oficiais 2021/22, sob pena de não participação nas mesmas", lê-se.

Assim, a LPFP decidiu convidar o Vilafranquense, equipa mais classificada entre as despromovidas na II Liga, "a apresentar candidatura à participação" na prova.

"Informa-se que está ainda em curso o prazo estabelecido regulamentarmente para apreciação final das candidaturas apresentadas pelas sociedades desportivas promovidas à Liga Portugal2: Clube Desportivo Trofense Futebol SDUQ e Club Football Estrela SAD", conclui a LPFP.

Cova da Piedade considera recusa de inscrição "um escândalo"

O Cova da Piedade considera "um escândalo" a decisão de não aceitar a inscrição do clube na II Liga portuguesa de futebol, disse esta segunda-feira à Lusa uma fonte da administração da SAD.

A mesma fonte remeteu para terça-feira uma posição oficial sobre a decisão de Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) e adiantou que a administração da SAD do clube da margem sul está reunida com os advogados para avaliar as medidas a tomar.

O recurso para o Tribunal Arbitral do Desporto "pode ser" uma das medidas, admitiu a administração, frisando que apenas na terça-feira tomará uma posição oficial e anunciará as ações a tomar.

Vilafranquense satisfeito com convite

O Vilafranquense considerou esta segunda-feira uma grande felicidade o convite da Liga Portuguesa de Futebol (LPFP), para substituir o Cova da Piedade na II Liga.

"É uma grande felicidade, foi uma notícia boa, este convite e a nossa manutenção na II Liga. Manteve-se o fair play que é um dos valores da Liga de clubes. Valeu a pena termos cumprido todos os pressupostos exigidos pela Liga de Clubes, ao longo da temporada desportiva", revelou Osvaldo Voges, presidente da SAD do clube de Vila Franca de Xira.

O líder da SAD do clube ribatejano revelou que a partir de terça-feira terá alguns dias para tratar de todo o processo relativo à presença na próxima edição da II Liga, depois de ter terminado a temporada 2020/21 na 17.ª e penúltima posição, em zona de despromoção.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG