COI anuncia maior controlo e investimento antidoping

Custos com o combate à fraude foi dobrado, atingindo os 8,8 milhões de euros.

O Comité Olímpico Internacional (COI) anunciou esta terça-feira um extenso programa de controlo antidoping antes do arranque dos Jogos Rio2016, criando um fundo extra de 8,8 milhões de euros.

"É um programa baseado no trabalho de informação da Agência Mundial Antidopagem (AMA)", assinalou o COI, que destaca "os esforços levados a cabo pelas federações internacionais e as organizações nacionais antidoping".

O organismo presidido pelo alemão Thomas Bach organizou esta terça-feira, em Lausana, na Suíça, uma cimeira olímpica, em que deixou nas mãos das federações internacionais os critérios de elegibilidade para competir no Rio de Janeiro, em agosto, dos desportistas da Rússia e do Quénia, tendo em conta a declaração de incumprimento de ambos os países pela AMA.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG