Kevin Costner confirma que Princesa Diana ia protagonizar sequela de "O Guarda-Costas"

Kevin Costner confirmou que a Princesa de Gales estava disposta a participar na sequela do filme "O Guarda-Costas", após conversas incentivadas por Sarah Ferguson.

A Princesa Diana seria a grande estrela do filme O Guarda-Costas 2, uma sequela do filme de 1992 protagonizado por Kevin Costner, revelou o ator na passada sexta-feira, numa entrevista ao programa Couch Surfing da PeopleTV.

"O estúdio gostou da ideia de fazer um Guarda-Costas 2" com a Princesa de Gales a protagonizar o papel "na mesma linha de Whitney. Ninguém sabia disto até há um ano", afirmou Costner. No filme original o ator desempenhava o papel de um segurança destacado para proteger uma estrela pop, papel interpretado por Whitney Houston.

Costner relembrou a conversa que teve com a princesa, nomeadamente sobre eventuais cenas mais íntimas do filme. "Lembro-me que ela foi incrivelmente doce ao telefone e perguntou-me: 'Vamos ter cenas de beijos?'. Disse-o de uma forma muito respeitosa, estava um pouco nervosa, porque acredito que a vida dela fosse muito controlada nessa altura. Disse-lhe que sim, mas que poderíamos negociar".

Costner explicou ainda que foi a duquesa de York, Sarah Ferguson, que ajudou a fazer a ponte com Diana. "Sarah foi muito importante. Tenho muito respeito pela Sarah, porque ela foi a pessoa que organizou a conversa entre mim e a Princesa Diana e nunca disse 'Então e eu? Também sou uma Princesa. Apoiou muito a ideia'".

O filme O Guarda-Costas, de 1992, teve uma receita de 411 milhões de dólares e foi o segundo filme mais visto nos cinemas naquele ano.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG