"Eu Chico em Casa", um "talk-show" animado

Este sábado há um novo programa de conversas e animação de Francisco Correia. Também há um concerto online dos The Killers e estreia um projeto para crianças no Teatro Nacional D. Maria II.

Um novo talk-show: "Eu Chico em Casa"

Anuncia-se como o primeiro talk-show português de animação. Chama-se Eu Chico em Casa e tem um monólogo de introdução, um entrevistado e até um número musical, tudo isto feito com "bonecos". O grande responsável pelo programa é Francisco Correia (o Chico do título, criador das séries Atl e A Vida e Obra de um Desanimado no Canal Q) que além de ser o apresentador e escrever os textos, em parceria com os argumentistas José Paiva e Rodrigo Nogueira, também faz a animação. Os primeiros episódios contaram com a participação do músico Luís Severo e da apresentadora Ana Markl. Este sábado, às 21.00, haverá mais um episódio para ver no YouTube ou no Facebook:

Atenção humanos, hoje há concerto de The Killers

"Atenção, humanos auto-encarcerados da Terra. É hora de perder o controlo." É assim que o grupo de rock norte-americano The Killers anuncia o seu próximo concerto online, que vai acontecer este sábado às 19.00 (hora de Portugal) no Instagram. Depois disso, a banda vai estar a responder a perguntas dos fãs através do Twitter. Liderado por Brandon Flowers, o grupo The Killers foi formado em 2001 e lançou o seu primeiro álbum, Hot Fuss, em 2004. O disco inclui alguns daqueles que ainda hoje são os seus maiores êxitos, como Mr. Brightside e Somebody Told Me.

Uma "salinha" online com teatro para as crianças

A partir deste sábado, os mais pequenos vão também "poder dar asas à imaginação e ao pensamento", com a nova Salinha Online do Teatro Nacional D. Maria II. Pensada para famílias com crianças entre os 3 e os 8 anos, esta Salinha é um espaço gratuito, composto por vídeos com leituras de histórias e contos infantis. Todos os sábados e domingos, às 11.00, é lançada uma nova história, que fica depois disponível para ser vista ou revista em qualquer altura. A primeira é A grande viagem do pequeno Mi, de Sandro William Junqueira, interpretada pelo ator Luís Godinho. Segue-se, no domingo, O País dos contrários, de José Eduardo Agualusa, lida por Victor Yovani.

Entretanto, na sala principal do "D. Maria II em casa", estão em cena Electra , com texto e encenação de Tiago Rodrigues, e Lear , encenação de Bruno Bravo a partir de Shakespeare.

Veja aqui mais sugestões culturais para a quarentena.

Mais Notícias