Chupa-chupa elétrico simula sabores reais

Cientistas criam chupa-chupa elétrico com o objetivo de enganar o cérebro. Para isso, simulam os quatro principais grupos de sabor (doce, salgado, ácido e amargo).

O dispositivo é colocado sobre a língua, tal qual um chupa-chupa, e dá a sensação de sabor através de correntes elétricas. Para aumentar essa sensação foram ainda adicionadas variações de temperatura.

A pesquisa foi conduzida pelo engenheiro Nimesha Ranasinghe, na Universidade Nacional de Singapura. À revista 'New Scientist', Ranasinghe afirmou terem descoberto que "a estimulação elétrica e térmica de forma não invasiva, na ponta da língua, gera com sucesso sensações gustativas primárias".

Para além de acreditar que um dia os espectadores poderão saborear o que vêem em programas de culinária na televisão, o engenheiro não esqueceu as vantagens e aplicações médicas que o dispositivo detém.

"As pessoas com diabetes poderão ser capazes de usar o sintetizador de sabor para simular a sensação do doce, sem prejudicar os níveis reais de açúcar no sangue. Os pacientes com cancro poderiam utiliza-lo para melhorar ou regenerar uma diminuição do paladar durante a quimioterapia", explicou.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG