PT pagou 7 milhões aos administradores em 2009

Os administradores da Portugal Telecom (PT), incluindo o presidente, Henrique Granadeiro, e o presidente executivo, Zeinal Bava, receberam em salários fixos, variáveis e prémios cerca de 7 milhões de euros em 2009, anunciou a empresa.

A PT, que divulgou pela primeira vez, no seu relatório e contas de 2009, os valores das remunerações individuais dos seus gestores, cumprindo a nova lei, revelou que os seus gestores, executivos e não executivos, receberam 3,2 milhões de euros em salários fixos e variáveis e um prémio de 3,799 milhões de euros pelo mandato no triénio de 2006 a 2008.

A empresa anunciou que Henrique Granadeiro foi remunerado em 650.900 euros enquanto que Zeinal Bava atingiu, entre remuneração fixa e variável cerca de 1,5 milhões de euros. Ambos receberam  um prémio de mandato de cerca de um milhão de euros pelo trabalho realizado no triénio 2006-2008.

O relatório e contas da empresa refere também que "a remuneração fixa anual de todos os membros da comissão executiva para o mandato de 2009 a 2011 foi reduzida em 10 por cento face ao valor do mandato anterior", uma proposta feita por Zeinal Bava o ano passado, devido à conjuntura económica.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG