Bruxelas autoriza nova empresa da Shell e da Cosan

A Comissão Europeia autorizou hoje a criação de uma empresa comum entre a multinacional Shell e a brasileira Cosan, que no ano passado anunciaram a união dos seus negócios no âmbito do etanol e da distribuição de combustível.

Depois de analisar a operação, o Executivo comunitário concluiu que, "tendo em conta a presença de um número considerável de outros fornecedores e as quotas de mercado limitadas tanto da empresa comum como da Shell", a criação desta "não levantava preocupações de concorrência".

A Shell é um grupo mundial de empresas energéticas e petroquímicas, enquanto a Cosan desenvolve actividades principalmente no Brasil, no setor da produção e da comercialização de açúcar e de etanol, da co-geração de eletricidade a partir da cana-de-açúcar, da distribuição de combustíveis e da produção e distribuição de lubrificantes no Brasil.

Segundo Bruxelas, as actividades da empresa comum incluirão, nomeadamente, a produção, venda e comercialização de açúcar e de etanol no Brasil e a nível mundial, o desenvolvimento e licenciamento de certas tecnologias de produção de etanol, o fornecimento, a distribuição e a venda de combustíveis para os transportes no Brasil, bem como a produção e venda de eletricidade resultante da co-geração nas instalações de produção de açúcar e de etanol da empresa comum no Brasil.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG