British Airways corta refeições a bordo para reduzir despesas

A companhia aérea British Airways vai começar a cobrar uma parte dos seus serviços que são actualmente gratuitos, como as refeições servidas a bordo, no âmbito dos esforços de redução de despesas, anunciou hoje um porta-voz da empresa.

"Estudámos todas as possibilidades" para reduzir os custos, disse o responsável da companhia, acrescentando que a British Airways vai tomar apenas medidas "razoáveis e tendo em conta a opinião dos clientes".

Segundo a empresa, a companhia irá manter, por exemplo, o pagamento extra pela compra de bilhetes online.

A British Airways, cuja procura tem sido afectada pela crise económica global, anunciou a supressão das refeições a bordo nos trajectos de curta duração, uma medida que deverá representar poupanças de 22 milhões de libras (26 milhões de euros) por ano.

A companhia pretende ainda aumentar as taxas por bagagem a mais, bem como as tarifas de transporte de artigos desportivos.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG