Fernando Tordo emigra para o Brasil no dia 18

O músico Fernando Tordo vai deixar o país, no próximo dia 18, com destino ao Brasil onde pretende continuar a trabalhar na área musical

Fernando Tordo, de 65 anos, já tinha anunciado, no mês passado, em entrevista à TVI, a sua intenção de sair de Portugal, mas ontem publicou no seu Facebook a confirmação de que essa partida está para breve: "Regressei há dias do Brasil, para onde agora vou viver e trabalhar. Uma coisa não vai sem a outra, a vida aqui no meu País, ao fim de 50 anos de profissão tornou-se impossível, sem trabalho. Mas vou sem amargura, sem tristeza."

No Facebook, o cantor e compositor queixa-se da falta de trabalho: "Sou o primeiro a entender que meio século de atividade e exposição pública são coisas que saturam o público, e é sem qualquer azedume que aceito que há outras pessoas e imagens que o mesmo público agora deseja."

No entanto, ao DN, o músico que deu voz a temas tão populares quando Tourada, Estrela da Tarde ou Cavalo à Solta, explica que, mais importante do que as oportunidades de trabalho é a vontade de sair de Portugal: "Não quero estar aqui, não me identifico com isto, não estou bem aqui", diz. "A necessidade e o quanto eu quero ir embora é muito superior àquilo que eu possa ir fazer."

Sem querer adiantar pormenores, Tordo diz ao DN que que tem alguns contactos já feitos no Brasil e que espera continuar a trabalhar no mundo das artes: "Se tudo correr bem espero poder fazer a divulgação da nossa cultura, mostrar ao Brasil que temos muito mais do que fado." O que vai fazer? "Vou fazer música, escrever, ver, passar. Essencialmente, vou sair daqui."

O post foi partilhado por mais de 200 pessoas no Facebook e já teve quase 300 comentários. "Estou muito feliz com todos os comentários. Há muitas pessoas a darem-me as boas vindas no Brasil." Os próximos dias serão agitados, com os preparativos da viagem e as despedidas. Fernando Tordo apanha o avião no dia 18.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG