Cantora Etta James ligada a um ventilador

A cantora norte-americana Etta James, de 72 anos, está internada na unidade de cuidados intensivos num hospital na Califórnia, Estados Unidos, e foi ligada ao ventilador, informou hoje a imprensa internacional.

De acordo com a revista britânica New Musical Express, que cita o agente da cantora, Lupe De-Leon, Etta James sofre de leucemia em fase terminal e foi hospitalizada no início da semana passada.

"Ela estava com dificuldades em respirar e foi entubada. Está ligada a um ventilador e a descansar. É muito triste, ela é como uma irmã para mim", disse Lupe De-Lon.

A canntora tem recebido tratamento 24 horas por dia desde que lhe foi diagnosticada leucemia em fase terminal há cerca de três semanas. Além disso, a cantora sofre de demência e falência dos rins.

Etta James, que deu voz a canções como "At Last" e "Tell Mama", é detentora de seis prémios Grammy.

Jamesetta Hawkins nasceu a 25 de Janeiro de 1938 em Los Angeles; em criança começou a cantar numa igreja; já adolescente fez parte de um grupo "doo-woop" [estilo de música vocal baseado no r&b].

Nos anos 1960, a cantora foi viciada em heroína, dependência da qual se libertou em meados dos anos 1970, numa altura em que se tornou numa das mais respeitadas vozes da soul e dos blues.

Ao longo da carreira, Etta James editou 30 álbuns de originais. Em 1993 entrou para o Rock & Roll Hall of Fame e três anos depois, por causa de um anúncio publicitário da Coca-Cola, voltou a ser falada com uma versão do tema "I just wanna make love to you", gravada nos anos 1960.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG