Autópsia de Amy Winehouse marcada para hoje

(INCLUI ÚLTIMO VÍDEO DA CANTORA) A polícia inglesa anunciou este domingo que a autópsia que determinará as causas da morte da cantora britânica Amy Winehouse só será realizada esta segunda-feira.

Até lá as autoridades policiais britânicas recusam-se a avançar quaisquer hipóteses quanto às circunstâncias que terão vitimado a cantora, que foi encontrada morta no seu apartamento no sábado, 23 de Julho.

(Veja o último vídeo da cantora em palco. Sem cantar, Amy limitou-se a dançar ao lado da afilhada, Dionne Bromfield, durante o iTunes Festival em Londres, na passada quarta-feira, 20 de Julho)

Apesar da discrição da polícia, dois tablóides britânicos avançaram este domingo que um "cocktail" bombástico de diversas drogas e álcool estarão na origem da morte de Amy Winehouse. É a hipótese avançada pelo "Daily Mirror" que cita amigos da cantora que com ela estiveram na noite anterior à sua morte e que contam que esta terá ingerido elevadas doses de álcool e uma pastilha de "ecstasy" adulterada.

O "Daily Mail" vai mais longe e, citando também amigos da cantora, afirma que Amy terá sido vista a comprar cocaína, quetamina - uma substância alucinogénia - e "ecstasy" por volta das 22.30 da sexta-feira.

Com apenas 27 anos, Amy Winehouse junta-se assim ao chamado "Clube dos 27", que reúne cantores de rock famosos que morreram com esta idade, e a que pertencem estrelas como Jim Morrison, Jimi Hendrix, Janis Joplin e Kurt Cobain. O funeral da jovem estrela britânica deverá realizar-se na próxima terça-feira, 25 de Julho.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG