Museu do Fado cheio com guitarra portuguesa

Festival Caixa Alfama está a espreguiçar-se. Os acordes da guitarra portuguesa enchem o auditório

Podiam ser dois auditórios no Museu do Fado e estariam plenos. A guitarra portuguesa, cheia, de Guilherme Banza chamou cedo o público do Caixa Alfama que hoje começa, em Lisboa.

No auditório a música é intensa e ninguém arreda pé para desespero dos que, no exterior, aguardam pelos desistentes. A plateia plena entusiasma-se.

Guilherme Banza explica que está a apresentar temas novíssimos de um disco de "tributo ao rock mundial", antes de chamar a fadista Luísa Rocha para se juntar ao espetáculo.

No exterior os que esperam lamentam não ser "da press" quando veem a jornalista fazer abrir as portas.

A grande noite do fado começou com Fado à Janela, no largo do Chafariz de Dentro e termina no sábado.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG