Morreu Pierre Bergé, companheiro de Yves Saint Laurent

Empresário e apaixonado pelas artes, Pierre Bergé morreu aos 86 anos

Pierre Bergé, empresário fundador da casa de alta-costura Yves Saint Laurent morreu esta sexta-feira, aos 86 anos, na sua casa em Saint-Remy-de-Provence, divulgou a sua fundação esta sexta-feira.

Companheiro de Yves Saint Laurent, acompanhou o designer de moda na fundação da casa com o seu nome em 1961. Dirigiu os negócios até 2002. Estava à frente da fundação Pierre Bergé-Yves Saint Laurent, que cuida e investiga a obra do costureiro francês.

"Era um verdadeiro príncipe das artes e da cultura", disse sobre Pierre Bergé o antigo ministro da cultura de França Jack Lang. Foi escolhido pelo presidente francês François Mittterrand para dirigir a Ópera da Bastilha em 1988.

Ativista dos direitos homossexuais fundou a associação Sidaction em 1994 e a revista gay Tetu. Esteve na fundação do Courrier International e no conselho de administração do jornal Le Monde.

Pierre Bergé tinha planeado inaugurar este outono dois novos espaços museológicos dedicados a Yves Saint Laurent. Um em Paris, outro em Marrocos.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG