Entre o clarinete e a composição, Widmann escolheu os dois

O versátil artista alemão visita amanhã a Casa da Música. Retrato de um dos mais empolgantes músicos da atualidade.

Ele é um dos mais empolgantes músicos e criadores da atualidade. Chama-se Jörg Widmann, é um bávaro de Munique, tem 41 anos e está ativo enquanto clarinetista, compositor e maestro (e ainda é um muito dextro pianista). Amanhã, às 18.00, será ele a estrela do concerto que a Sinfónica do Porto Casa da Música dá na Sala Suggia, sob a direção de Peter Rundel, titular do Remix Ensemble. Widmann será o solista no Concerto para clarinete n.º 1, de Carl Maria von Weber (1786-1826) - o clássico do repertório, junto com o famoso Concerto em lá M, de Mozart - e, na segunda parte, assistirá da plateia à execução da sua obra Labirinto III, para soprano e grupos orquestrais (estreia em Portugal).

Leia mais na edição impressa ou no e-paper do DN

Mais Notícias

Outras Notícias GMG