Encontrados poemas inéditos de J.R.R. Tolkien

Os poemas datam de 1936 e foram escritos para o jornal escolar "Our Lady's School"

Mais de 40 anos após a sua morte, J.R.R. Tolkien continua a dar que falar. Desta vez foram encontrados dois poemas da sua autoria, num jornal escolar. Presume-se que estes poemas tenham sido escritos enquanto o autor foi professor na Universidade de Oxford.

A descoberta surgiu depois de Wayne Hammond, um historiador de toda a obra de Tolkien, ter encontrado um bilhete no qual o autor da trilogia O Senhor dos Anéis dizia ter publicado dois poemas numa revista chamada Abingdon Chronicle. Hammond cedo percebeu que essa revista era, na verdade, o jornal escolar Our Lady"s School, de Abingdon, Oxfordshire.

Os dois poemas foram publicados em 1936. Um deles, The Shadow Man, é a versão inicial de um poema que Tolkien viria a publicar em 1962 e fala da história de duas pessoas que se encontram e que a partir desse momento passam a partilhar uma única sombra; o outro, Noel, é um poema natalício que dá ênfase à pessoa de Maria.

Neste momento, a escola está a planear exibir os poemas numa exposição que refletirá a história da instituição.

Já em agosto de 2015, 42 anos após a morte do autor britânico, foi publicada a sua primeira (e inacabada) obra em prosa. "Desafortunado Kullervo", chama o autor ao herói desta história inacabada que, durante quase cem anos, esteve "escondida" na biblioteca de Bodleian, em Oxford.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG