Cinema. Pedro Borges do Ideal é empreendedor do ano

O exibidor e distribuidor cinematográfico Pedro Borges, do Cinema Ideal, em Lisboa, foi distinguido com o Prémio Empreendedor do Ano, no âmbito dos Prémios Europa Cinemas, foi hoje divulgado.

"O Prémio de Melhor Empresário celebra o rápido sucesso do Cinema Ideal, em Lisboa, agora um grande centro cultural no coração da cidade, e a confiança implícita que o seu diretor, Pedro Borges, colocou no cinema como o primeiro lugar para descobrir filmes", afirma Claude-Eric Poiroux, diretor-geral da rede de salas Europa Cinemas, para a divulgação da produção europeia.

"A abertura do cinema, num contexto económico difícil, é uma escolha corajosa e arriscada e uma declaração de confiança" de Pedro Borges, prossegue o comunicado assinado pelo diretor da rede de cinemas que se estende a mais de 40 países europeus.

Foram também distinguidos o Cinema Europa, em Zagreb, na Croácia, com o Prémio Melhor Programação, e os Cinemas Moviemento e City, em Linz, na Áustria, com o Prémio Melhores Atividades para Jovens.

A distinção da sala croata "recompensa um cinema com excelentes resultados, que dedica quase três quartos das suas projeções ao cinema europeu e demonstra um sucesso inegável para um único ecrã (42.615 admissões para filmes europeus não croatas)", afirma no mesmo comunicado o responsável pela rede europeia de salas de cinema.

"Este Prémio [Melhor Programação] surge na altura certa para salientar o desenvolvimento dos cinemas croatas, bem como um exibidor cinematográfico empenhado em debates profissionais a nível europeu", acrescentou.

O Prémio Melhores Atividades para Jovens realça "a diversidade e a riqueza das atividades desenvolvidas pelos cinemas Moviemento e City, em Linz, que, através de programas de educação cinematográfica, festivais e da sua rica programação cinematográfica, demonstram uma forte iniciativa que incentivou cerca de 15.000 jovens espectadores por ano".

Para Poiroux, "os Prémios Europa Cinemas são uma oportunidade anual para destacar o trabalho exemplar dos exibidores da rede [Europa Cinemas] e das suas equipas, selecionados principalmente nas estatísticas objetivas da sua programação, mas também na avaliação do seu dinamismo e da sua capacidade de inovar no mundo digital".

Com apoios no âmbito dos programas Europa Criativa, da União Europeia, e Eurimages, do Conselho da Europa, para a exibição da produção cinematográfica europeia, a rede Europa Cinemas reúne mais de 2530 salas, de 619 cidades, de 41 países europeus.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG