Histórias do canto para ouvir nos Dias da Música

Há 60 concertos para ver hoje, amanhã e domingo.

O canto nasceu com uma sucessão de gritos lançados pelo homem primitivo? É imitação dos sons da natureza? Ou a descoberta da capacidade de produzir sons harmoniosos? Perguntas por trás da programação deste ano dos Dias da Música, iniciativa que decorre no Centro Cultural de Belém (CCB), em Lisboa, hoje, amanhã e domingo, justamente chamada "A Voz Humana - O Canto através dos Tempos".

Ao todo, são 60 concertos repartidos por sete salas daquele edifício. Robert King dá o pontapé de saída, hoje, às 21.00, com a ópera Dido e Eneias, de Purcell, em versão de concerto. "Os King's Consort são um dos mais conceituados grupos de música barroca", afirma Francisco Sassetti, assessor de programação musical do CCB, sobre a escolha para o concerto de abertura com esta obra de Henry Purcell. "Não podíamos fazer uma ópera, optámos por fazer neste formato, que também permite que seja mais longo", nota.

Leia mais no e-paper do DN.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG