Adele rejeitou atuar no intervalo do Super Bowl

"Não tem nada a ver com música", explicou a cantora

A cantora Adele afirmou ter rejeitado uma oferta para a atuar no intervalo do Super Bowl do próximo ano. "Não vou cantar na Super Bowl. Nem sequer tem nada a ver com música", explicou a britânica durante um concerto em Los Angeles, no passado dia 13 de agosto.

A liga de futebol americano, NFL, juntamente com a Pepsi, patrocinadora do evento, reagiram de imediato dizendo nunca ter convidado formalmente a cantora:"Conversámos com vários artistas, mas não propusemos nada formalmente".

A Super Bowl, a final da liga de futebol norte-americano, é o evento desportivo mais importante nos Estados Unidos e é o programa com maior audiência da televisão.

Todos os anos, um artista é convidado para atuar no intervalo do jogo de futebol - por aquele palco já passaram nomes como Madonna, Beyoncé, The Rolling Stones, Prince ou Coldplay, por exemplo.

A próxima Super Bowl está marcada para o dia 5 de fevereiro de 2017.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG