Investigadores descobrem porque há pessoas que não têm sintomas de covid-19

O vírus SARS-CoV-2 pode ocultar o seu genoma que não é reconhecido pelo sistema imunitário

É um dos grandes mistérios do coronavírus: saber por que razão há pessoas com o vírus que não desenvolvem quaisquer sintomas. Investigadores do hospital universitário de Aarhus, na Dinamarca, descobriram que resulta do vírus poder ocultar o seu genoma para que não seja reconhecido.

A resposta está nos chamados "macrófagos alveolares" [um tipo de glóbulo branco na superfície dos alvéolos, são um mecanismo de defesa dos pulmões] que determinam a rapidez com que se pode produzir a imunidade de uma infeção por coronavírus.

Estes macrófagos podem ser os primeiros que se encontram com o vírus durante uma infeção, a sua reação tem um impacto profundo no resultado da infeção. A descoberta foi publicada na revista EMBO Reports.

Os resultados sugerem que o coronavírus pode ocultar o seu material genético de forma que não seja reconhecido nos macrófagos alveolares.

A deteção de assintomáticos é um fator chave para a propagação do vírus, no entanto também é importante controlar a transmissão daqueles pacientes que superaram a doença mas ainda são portadores do vírus.

Um estudo realizado pelo Polliclinico Universitario Fondazione Agostino Gemelli em Roma (Itália) relatou que cerca de 17% dos pacientes que foram considerados totalmente recuperados do Covid-19 apresentaram resultados positivos para o vírus nos testes de acompanhamento.

Mais Notícias