Chuva, vento e até neve. Prepare-se para o fim de semana

As temperaturas mantêm-se, mas o vento vai intensificar-se ao longo de todo o território, logo a partir da tarde de sábado - nas terras mais altas, pode atingir os 85 quilómetros por hora. Quanto à chuva, nem o sul escapa.

Este fim de semana será típico de novembro: com chuva, vento e até neve nas zonas mais altas do país. Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), o sábado começará com precipitação, em especial nas regiões norte e centro, estendendo-se durante a tarde até ao sul do país. Ea chuva parece mesmo ter vindo para ficar.

No sábado, principalmente durante a manhã, pode contar com precipitação moderada, embora persistente, no litoral da região norte e no centro. A partir do início da tarde, prevê-se também chuva fraca na região sul. A situação mantém-se no domingo e até se prolonga para o inicio da semana. De acordo com o meteorologista Ricardo Baptista, do IPMA, "não estão previstos períodos sem precipitação" ao longo da próxima semana.

Já as temperaturas deverão manter-se relativamente à semana que passou, em que as máximas rondaram os 15 graus e as mínimas 10 graus.

Contudo, o vento vai intensificar-se ao longo de todo o território, logo a partir da tarde de sábado. Será moderado a forte na faixa costeira ocidental e forte nas terras altas, com rajadas que podem chegar aos 85 quilómetros por hora. Um cenário que se irá manter até domingo.

Ainda nas terras altas, nomeadamente na Serra da Estrela, está prevista queda pontual de neve.

Exclusivos

Premium

Contratos públicos

Empresa que contratava médicos para prisões não pagou e sumiu

O Estado adjudicou à Corevalue Healthcare Solutions, Lda. o recrutamento de médicos, enfermeiros, psicólogos e auxiliares para as prisões. A empresa recrutou, não pagou e está incontactável. Em Lisboa há mais de 30 profissionais nesta situação e 40 mil euros por pagar. A Direção dos Serviços Prisionais diz nada poder fazer.