Belém

eleições presidenciais

Marcelo abre a porta de saída ao ministro Eduardo Cabrita

Marcelo Rebelo de Sousa deixou Eduardo Cabrita numa posição desconfortável ao frisar que o ministro "não pediu a exoneração" por causa do caso do ucraniano morto no aeroporto de Lisboa, mas estabelecendo um paralelo com a antecessora, que o fez por causa dos incêndios de 2017. Deixou ainda um aviso à ministra da Saúde, dizendo que calendário das vacinas contra a covid-19 não pode falhar.