Morreu Almerindo Marques, antigo presidente da RTP e da Estradas de Portugal

Antigo presidente da RTP morreu aos 81 anos. Foi deputado, secretário de Estado de Mário Soares e gestor da Caixa Geral de Depósitos.

O gestor e ex-presidente da RTP Almerindo Marques morreu esta quarta-feira aos 81 anos, avançou a estação pública.

Antigo deputado pelo Partido Socialista, secretário de Estado da Administração Escolar no governo de Mário Soares e teve cargos dirigentes em vários bancos, entre os quais a Caixa Geral de Depósitos.

Ainda no anos 1970, Almerindo Marques chegou a secretário-geral do Banco da Agricultura, onde ingressara em 1963, mas foi saneado após o 25 de Abril de 1974.

Aderiu entretanto ao Partido Socialista, tendo sido nomeado Secretário de Estado da Administração Escolar do I Governo Constitucional, liderado por Mário Soares.

Mais tarde regressou à Banca e chegou a administrador da Caixa Geral de Depósitos, de onde saiu em 2002 em rotura com o então presidente do banco, António de Sousa, e com Vítor Constâncio, Governador do Banco de Portugal.

Em 2002, Almerindo Marques foi nomeado pelo governo de Durão Barroso para presidente da RTP. Já em 2007, a convite do governo de José Sócrates, assumiu a presidência da Estradas de Portugal - de onde se demitiu quatro anos depois alegando incompatibilidades com a gestão de Sócrates.

Nos últimos anos, foi administrador da empresa de construção Opway.

"Almerindo Marques faz parte de uma geração de gestores, que transformou instituições e empresas, tendo o rigor como bandeira . O seu labor nem sempre foi compreendido, ou até conseguido. Na RTP assinou alguns anos de rumo estratégico, reconhecido pela ERC e pela sociedade. No dia em que se despede do mundo dos vivos, recordo o servidor público, intransigente com a mediocridade. Ninguém lhe fica indiferente!", escreveu no Facebook a jornalista Fátima Campos Ferreira.

Já Gonçalo Reis, ex-presidente da RTP, descreveu o como "uma referência enorme, um homem formidável e exemplo máximo de servidor público". "Seguramente o gestor com quem mais aprendi. Um senhor de grande categoria, que adorava situações difíceis, quanto mais difíceis melhor. Teve uma vida cheia. Paz à sua alma", escreveu nas redes sociais.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG