"Heróis na vida real? Os médicos e restantes trabalhadores da saúde"

A sua virtude preferida?
A perseverança.

A qualidade que mais aprecia num homem?
A inteligência.

A qualidade que mais aprecia numa mulher?
A inteligência.

O que aprecia mais nos seus amigos?
O facto de saber que estarão sempre lá para mim quando precisar, e que estarei sempre cá para eles.

O seu principal defeito?
Teimosia.

A sua ocupação preferida?
Trabalhar sem stress. Fora do trabalho, talvez o cinema.

Qual é a sua ideia de "felicidade perfeita"?
Não sei se existe tal coisa, mas ter uma vida calma e com saúde é meio caminho andado.

Um desgosto?
A perda do meu pai.

O que é que gostaria de ser?
Estou satisfeita com o que sou.

Em que país gostaria de viver?
Em Portugal.

A cor preferida?
O branco.

A flor de que gosta?
A rosa

O pássaro que prefere?
A andorinha.

O autor preferido em prosa?
Vergílio Ferreira.

Poetas preferidos?
Sophia de Mello Breyner Andresen, Fernando Pessoa, Alexandre O"Neill.

O seu herói da ficção?
Gosto de livros de espionagem. Talvez escolhesse o George Smiley, personagem genial criada pelo John Le Carré, em homenagem a todos os grandes espiões da ficção.

Heroínas favoritas na ficção?
A Lara Croft, uma arqueóloga que não recua perante os obstáculos. Estou a pensar sobretudo no filme com
a Angelina Jolie, rodado nos templos de Angkor, em Siem Reap, no Camboja. Um sítio fantástico. E a princesa Leia,
porque rejeita os estereótipos de figura feminina nas histórias de aventuras.

Os heróis da vida real?
Os médicos e restantes trabalhadores da saúde, em especial os que trabalham nos países em desenvolvimento
e os que se deslocam para zonas de guerra ou de catástrofe.

As heroínas históricas?
Marie Curie, representando as mulheres na ciência; Beatriz Ângelo, médica, a primeira mulher a votar em Portugal em eleições; Maria de Lurdes Pintassilgo, uma das primeiras engenheiras e a primeira e única chefe de Governo da historia de Portugal.

Os pintores preferidos?
Paula Rego e Graça Morais.

Compositores preferidos?
Bach, Vivaldi e Bellini.

Os seus nomes preferidos?
Gosto de nomes simples como Maria, António, Ana, e de nomes que sejam globais, iguais em todas as línguas, como Sara.

O que detesta acima de tudo?
Hipocrisia.

A personagem histórica que mais despreza?
Os ditadores. Infelizmente há muitos exemplos. Hitler, Estaline, Mao...venha o diabo e escolha!

O feito militar que mais admira?
O desembarque na Normandia, o principio da libertação da Europa. Impressiona-me o altruísmo e a coragem dos que desembarcaram.

O dom da natureza que gostaria de ter?
Ouvido para a música. Aliás, gostava de ter mais aptidões artísticas em geral.

Como gostaria de morrer?
A dormir.

Estado de espírito atual?
Esperança de que o futuro próximo seja melhor.

Os erros que lhe inspiram maior indulgência?
Os erros que sinto não terem sido cometidos intencionalmente.

A sua divisa?
Mais do que divisas, guio-me por princípios e valores.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG